Assinada a ordem de serviço do VTMIS do Porto de Vitória

O Porto de Vitória é o primeiro porto do país a contratar, por meio de licitação, empresa para a implantação do Sistema de Gerenciamento e Informatização do Tráfego de Embarcações – VTMIS, sigla em inglês para Vessel Traffic Management Information. Na manhã desta quarta-feira (6), a Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa) assinou a ordem de serviço para que o consórcio Indra VTMIS Vitória desenvolva projeto executivo, realize obras, instale equipamentos e treine funcionários num prazo de 38 meses. O sistema vai integrar o conjunto de ações denominadas “Inteligência Logística Portuária”, uma iniciativa do Governo Federal desenvolvida pela Secretaria de Portos da Presidência da República (SEP/PR). Com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC, o custo da obra é de R$ 22,9 milhões.

“É um significativo avanço tecnológico para o Porto de Vitória, pois o VTMIS equipa os principais e mais movimentados terminais no mundo”, destacou o presidente da Codesa, Clovis Lascosque. O VTMIS é um sistema de auxílio eletrônico à navegação, com capacidade para prover a monitoração ativa do tráfego aquaviário. “O objetivo do sistema é ampliar a segurança da vida humana no mar, a segurança da navegação e a proteção ao meio ambiente nas áreas em que haja intensa movimentação de embarcações ou risco de acidente”, completou Lascosque.

De acordo com a diretoria da companhia, o VTMIS tem como uma de suas funções primárias a busca por uma melhora na eficiência da movimentação de cargas, utilização dos recursos e infraestrutura do porto e organização do tráfego aquaviário no canal de acesso e fundeadouro, melhorando também a segurança no porto.

“O Centro de Controle Operacional do VTMIS será localizado em área estratégica do Porto de Vitória, no qual operadores devidamente habilitados irão analisar o tráfego aquaviário. O sistema será integrado ao Programa Porto Sem Papel”, ressaltou o diretor de Infraestrutura e Operações, Hugo Amboss.

No evento desta manhã, ocorrido na Sala da Presidência da Codesa, que contou com representantes da Indra VTMIS Vitória, participaram ainda os diretores do Porto de Vitória, Danilo Roger Marçal Queiroz (de Planejamento e Desenvolvimento),Raul Moura de Sá (Administração e Finanças), além dos coordenadores Fernando Elias Rangel (Engenharia), Luiz Hamilton Mendonça (Informática), e Guilherme Magalhães (Meio Ambiente), que assinaram o documento juntamente com o diretor Executivo da Indra VTMIS, Hebert Resende.

FONTE: Portos do Brasil

Speak Your Mind

*